Bodhisatvacharyavatara

shantidevaO Bodhisatvacharyavatara ("Entrada na Prática do Bodhisatva") grande clássico da literatura Mahayana foi enunciado na Universidade de Nalanda no séc VIII por Shantideva que foi um dos 84 Mahasidhas indianos de grande erudição e nível de Compreensão.

O texto descreve em forma de poema a carreira nobre e altruísta de um Bodhisatva. Os dois pontos importantes nesse texto são o cultivo de uma mente altruísta e a geração de uma profunda percepção sobre a natureza da realidade.
No Tibet exerceu forte influência em todas as escolas budistas a partir o séc XI orientando profundamente a vida religiosa da população.
Sua Santidade o Dalai Lama nos ensina: "Através do Bodhicharyavatara é possível desenvolver qualidades como o amor e a compaixão, a generosidade, a paciência não apenas confinados a um nível pessoal mas estendendo-se a todos os seres sencientes.... Ensinamentos que continuam pertinentes até os dias de hoje. É por isso que eu encorajo as pessoas a tomar atenção a tais práticas."