Bodhisatvacharyavatara 42 – Capítulo 6: A Paciência

Bodhisatvacharyavatara Capítulo VI (download do texto completo)

Capítulo 6 – A Paciência

Como praticar a paciência, a terceira paramita

Indispensável na preservação de nossos atos meritórios. Antídoto direto da raiva que é a perturbação com imenso poder de destruição.

A: A maneira de desenvolver a paciêncial: a) evitar as causas de raiva; a1) refletir sobre os inconvenientes da raiva e esforçar-se para aplicar os métodos para eliminá-la (7 a 10)

A causa associada com suas falhas

7: Encontrado o combustível do descontentamento,
(Gerado) quando os outros fazem o que não desejo,
Ou quando eles me impedem de obter o que desejo,
A raiva aumenta e eu perco a razão, me destruo.

Instruindo como fazer esforços no método para deter a raiva

8: Portanto, eu devo erradicar totalmente,
O combustível desse inimigo;
Pois esse inimigo que não tem outra função,
Além de me prejudicar. (causar danos e sofrimentos)

O método real para parar a raiva, não é apropriado gerar desprazer mental

9: O que quer que me aconteça,
Não vai perturbar minha felicidade mental;
Pois sem ela, não realizarei o que desejo,
E minhas virtudes vão diminuir.

A razão pela qual não é adequado gerar a raiva

10: Por que ficar descontente com algo,
Que pode ser remediado?
E qual é a utilidade de estar insatisfeito com algo,
Que não pode ser remediado?

a2) Esforçar-se para abandonar tendo feito uma análise das causas da raiva a2.1) Os diversos objetos que podem provocar a raiva ( 11 e 12)

Apresentação geral das classificações dos objetos produzindo raiva

11: Para mim mesmo e para meus amigos,
Não quero sofrimento, nem desrespeito,
Nenhuma palavra dura e nada desagradável;
Mas para os meus inimigos é o oposto.

Tolerância baseada na aceitação consciente da dor e da dificuldade (de 12 a 21)

Refletindo que o contaminado não está além da natureza do sofrimento

12 a: As causas da felicidade são raras,
Mas as causas do sofrimento são muitas.

Os benefícios de meditar sobre o sofrimento

12 b: Sem sofrimento não há renúncia. (e a consequente aspiração a Liberdade)
Portanto, ó mente, você deve ficar firme nesta reflexão.


O Centro Budista Tibetano Kagyu Pende Gyamtso é uma associação sem fins lucrativos, mantida exclusivamente com a contribuição de seus membros e amigos.

Quer contribuir para com o KPG? Seja muito bem-vindo! Clique aqui e saiba mais.


 

Deixe uma resposta